Polícia

Mulher é indiciada por denunciação caluniosa contra ex-companheiro no Oeste

Investigação provou que ela não teria sofrido agressões

Fonte: Oeste Mais

Uma mulher de 27 anos foi indiciada pela Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Comarca de Fronteira (DPCo-Fron) de Quilombo (SC), nesta terça-feira (23), por denúncia caluniosa contra o ex-companheiro. A suposta vítima alegou ter sofrido violência doméstica.

Segundo informações da Polícia Civil, a mulher procurou a Delegacia de Polícia no dia 17 de fevereiro, e narrou ter sido agredida fisicamente no dia anterior, pelo ex-companheiro, um homem de 32 anos.

Uma investigação para apurar os fatos foi iniciada, onde ainda conforme a Polícia, no decorrer dos trabalhos, entre os elementos de investigação produzidos, foram juntadas aos autos, imagens de sistema de monitoramento nas quais consta que o ex-companheiro não agiu da forma mencionada pela mulher. Também foi identificada e ouvida uma testemunha, que comprovou a versão do ex-companheiro.

Diante disso, o procedimento que havia sido instaurado para apurar o crime de lesão corporal praticado pelo homem, reverteu-se em desfavor da mulher, que não apresentou elementos comprovando sua versão.

Após analisar todas as informações coletadas, a Polícia Civil chegou à conclusão que a mulher não teria sido agredida pelo ex-companheiro, como contou na Delegacia, tendo assim mentindo sobre os fatos.

A mulher foi indiciada pela prática do crime de denunciação caluniosa, o qual prevê pena de dois a oito anos de reclusão.


Endereço: Avenida Brasil, nº 148, Centro - Palmitos/SC | CEP 89887-000
E-mail: jornaloestepopular@gmail.com