oestepopular
 

Estado catarinense teve 23 assaltos a ônibus em 2019

Apesar dos dados representarem medo aos usuários de transportes coletivos, número é o mais baixo dos últimos três anos

Oeste Mais Com informações do Diário Catarinense
Praticamente dois assaltos a ônibus por mês foi a média de crimes registrada nas rodovias federais e estaduais de Santa Catarina contra transportes coletivos em 2019. E, embora o número represente medo aos usuários, na maioria das vezes comerciantes que viajam para buscar mercadoria em outros estados, é o mais baixo dos últimos três anos.
Em 2018, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, foram 39 crimes nas estradas catarinenses, 16 a mais do que o total do ano passado, que encerrou com 23. Já em 2017, o número de ataques foi ainda mais alto: um total de 58 crimes no estado.
Chefe de comunicação da Polícia Rodoviária Federal, Luiz Graziano, diz que apesar da redução, o combate é difícil. De acordo com Graziano, os assaltantes conseguem informações com passageiros, agências de turismo ou, até mesmo, com funcionários das empresas que realizam o transporte. Utilizam veículos roubados, com placas clonadas, que são incendiados após o crime. É um universo muito grande envolvido nesses assaltos.
O atrativo para os criminosos que buscam os veículos de viagem interestadual para cometer roubos, ainda segundo Graziano, é o dinheiro em grande quantidade geralmente encontrado junto com os passageiros.
Graziano garante ainda que a Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil e Polícia Militar têm feito um trabalho muito forte nessa área.
Endereço: Avenida Brasil, nº 148, Centro - Palmitos/SC | CEP 89887-000
Telefone: (49) 9 9102-4755
Whatsapp: (49) 9 9933-0022
E-mail: jornaloestepopular@gmail.com