Geral

Cooper A1 alcança R$ 1,8 bi de faturamento global em 2020

Dados foram apresentados durante assembleia no dia 31 de março

Fonte: Rádio Porto Feliz / Ascom Cooper A1
Foto: Divulgação

A Cooper A1 alcançou R$ 1,8 bi de faturamento global em 2020.

O valor representa um crescimento de 36% em relação ao ano anterior.

O resultado recorde é o melhor da história da Cooper A1, que completou em outubro do ano passado, 87 anos.

A sobra líquida atingiu o montante de R$ 220,6 milhões, um incremento de 127% em relação ao exercício do ano anterior.

Os números que compõe o relatório de gestão foram apresentados na Assembleia Geral Ordinária Digital 2021, realizada na última quarta-feira (31), e conduzida pelo presidente Elio Casarin, sendo acompanhada por centenas de cooperados.

As sobras distribuídas e capitalizadas aos associados totalizaram R$ 54,2 milhões.

Destes R$ 30,1 milhões serão capitalizados e R$ 24,1 milhões serão distribuídos conforme a movimentação de cada sócio em 2020 na cooperativa.

A Cooper A1 encerrou o último ano com 9.198 cooperados e 1.365 colaboradores diretos.

O patrimônio líquido da cooperativa atingiu o montante de 864 milhões e 400 mil reais, representando um crescimento de 23% em relação ao ano anterior.


Diversidade de atividades econômicas fez a diferença para o crescimento da Cooper A1

A diversidade das atividades econômicas proporcionou equilíbrio e fez a diferença nos resultados alcançados.

Todas tiveram crescimento em 2020, com exceção dos postos de combustíveis.

O destaque foi para a atividade de suinocultura que produziu 103 mil toneladas e foi responsável 27% do faturamento total, atingindo um crescimento de 49,7% em relação ao ano anterior.

As lojas agropecuárias foram responsáveis por 24% do faturamento, chegando a R$ 440 milhões.

As fábricas de rações, Nutri A1, produziram 443 mil toneladas e tiveram desempenho excepcional.

As três fábricas, de Palmitos, Mondaí e Itapiranga, sendo que as últimas duas estão produzindo em sua capacidade máxima, tiveram um crescimento de 53,6% no faturamento.

A atividade de supermercados cresceu 18,1% em receita.

A bovinocultura de leite recebeu 94 milhões de litros e cresceu 37% em faturamento.

O volume recebido de cereais, entre milho, trigo e soja, na cooperativa foi de 433 mil toneladas e o faturamento cresceu 19,4%.

Já a avicultura teve produção de 77,5 mil toneladas, um crescimento de 17,5% em receita.

Na atividade de postos de combustíveis, houve uma redução de 6,2% no faturamento, que chegou a R$ 39,4 milhões em 2020.


Endereço: Avenida Brasil, nº 148, Centro - Palmitos/SC | CEP 89887-000
E-mail: jornaloestepopular@gmail.com